formifuinhasdovale

Associação Cultural, Educação, Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável do Cone Leste Paulista

HOME
Educar - Uma janela para o mundo
PROJETOS
Viveiro Escola Planta Brasil
SaciArte - Musicalização
Arte & Sobra - Artesenato
Melhor idade
Teatro nas comunidades
NOSSO BLOGS
Cone Leste Paulista
Blog educação
Liberdade de expressão
Reflorestamento e Florestamento
Raizes & Matrizes
MIDIAS
Gazeta Valeparaibana
Rádio CULTURAonline
Ultimas Notícias
Considerações e reflexões
Ouçamos as crianças
VALE A PENA LER DE NOVO
Errar é humano
Economia no Sudeste Brasileiro
Meio ambiente e o futuro
Nossa proposta de paz
Algo precisa mudar...
Visite nossa biblioteca
NOSSA BIBLIOTECA
Telemensagens
Auto ajuda
REDE SOCIAL
Nossa forma de ver a educação
Novos autores
VERSO E PROSA
Precisamos de você
Precisamos de sementes
CAMPANHAS
Traga sua garrafa Pet
Protocolos ambientais
Eventos sociais
AGENDA
Ultima atualização
30.09.2015
Concursos Literários
Eventos comunitários

Arte & Sobra - Artesenato

Seu comentário
Patrocinadores
Voluntariado
Quem somos
Forum-online
Organograma
Fale conosco
Parceiros
Mapa
Nosso Presidente

Projeto iniciado em: 2007 - Restaurado em 2010 - Todos os direitos reservados
Página do Projeto Social "Formiguinhas do Vale" uma O.S.C.I.P. sem fins lucrativos
Protocolizado sob o nº. 27.616 em 04/12/2009 e registrado em micro-filme sob o nº. 18.112 em 15/12/2009 - 1º Cartório Registro SJC

Produzido por Webmaster JFB © 2010 Todos os direitos reservados. All rights reserved

ARTESANATO

 
De "artesão", do italiano " artigiano ". É uma forma de produção que se caracteriza:
1º.]
pela pequena dimensão da unidade produtiva, na qual trabalha o mestre com seus auxiliares, e ás vezes um pequeno número de familiares;
2º.]
pela união de trabalho, da técnica e do capital na pessoa do artesão que, usando seus próprio
recursos, executa, com o seu trabalho, os modelos por ele mesmo criados;
3º.]
pelo fato de que cada unidade produzida é trabalhada pelo artesão, e não se utilizando quaisquer maquinismos ou formas de produção em série. O artesanato era o processo produtivo habitual antes da Revolução Industrial, e os que exerciam essas atividades reuniam-se em corporações (hoje denominadas de cooperativas).Hoje, o artesanato, em certas regiões do Brasil, está sendo incentivado e aprimorado como forma de geração de renda, para promoção do bem estar individual, familiar e até mesmo de uma comunidade.
 
Filipe de Sousa
“COMUNIDADE DE ARTESÃOS DA POUSADA DO VALE”
PROJETO SOCIAL: “
Arte
&
Sobra
"
Entidade responsável:
Associação Cultural, Educação, Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável do Cone Leste Paulista “Formiguinhas do Vale”
Resumo:
 
O trabalho objetiva o estudo do Turismo de Base Local e a sua vertente do turismo comunitário, para aplicação nos projetos a serem implantados, no que tange ao Artesanato, Reflorestamento das Matas e Educação Ambiental. O Campo de pesquisa é a comunidade do Bairro Pousada do Vale com a colaboração da OSCIP (1) Formiguinhas do Vale. Com sede no Leste do Estado de São Paulo, na cidade de São José dos Campos. Seus projetos e parcerias com os diversos setores da sociedade e órgãos Municipais irão fazer do turismo um segmento a ser expandido nas comunidades, com a finalidade de realização de renda e desenvolvimento intelectual para as comunidades participantes.
 
Objetivos

 
Geral:
 
Fixar o olhar para as comunidades e Associações de moradores, com a finalidade de promover alguns Projetos Sociais que visem mostrar como uma Associação poderá investir no turismo comunitário e aproximar o bem-estar social e a geração de renda a uma realidade regional, promovendo a sustentabilidade ambiental e social e a geração de renda.
 
Pontos específicos:

 
1-
Conceituar Turismo segundo a O.M.T.;2- Definir idéias do turismo de base local;
3-
Mostrar o turismo comunitário como uma forma possível de geração de renda;
4-
Participar ativamente da implantação do projeto nas diversas comunidades e escolas abrangidas;
5-
Divulgar os projetos das Associações juntamente com suas parcerias, numa ação coordenada e específica;
6-
A nível regional, incentivar o espírito corporativo;
7-
Formatar turmas de crianças aprendizes, agregando, educação ambiental, culturas e tradições e geração de renda, além de formar multiplicadores do conhecimento adquirido, de uma forma que a arte regional tenha continuidade nas gerações;
8-
Reunir em uma "cooperativa ONG" os artesãos com vista à possibilidade de geração de renda, através de exposições e feiras, pois para continuarem desenvolvendo sua arte, o artesão necessita de divulgar e vender sua arte;
9–
Reorganizar e revitalizar o layout e a apresentação dos trabalhos.

 
Filipe de Sousa
Elizete Rubio
Veja o projeto completo em nossa biblioteca

Artesãos/Fundadores

Veja a biografia de :
Therezinha Mariano Pinheiro
Veja a biografia de :
Alex Pinheiro
Homenagem póstuma
Carlos Emidio de Jesus Duarte
 
18/10/1918 - 31/08/1989
O artesanato e S.J. dos Campos