formifuinhasdovale

Associação Cultural, Educação, Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável do Cone Leste Paulista

HOME
Educar - Uma janela para o mundo
PROJETOS
Viveiro Escola Planta Brasil
SaciArte - Musicalização
Arte & Sobra - Artesenato
Melhor idade
Teatro nas comunidades
NOSSO BLOGS
Cone Leste Paulista
Blog educação
Liberdade de expressão
Reflorestamento e Florestamento
Raizes & Matrizes
MIDIAS
Gazeta Valeparaibana
Rádio CULTURAonline
Ultimas Notícias
Considerações e reflexões
Ouçamos as crianças
VALE A PENA LER DE NOVO
Errar é humano
Economia no Sudeste Brasileiro
Meio ambiente e o futuro
Nossa proposta de paz
Algo precisa mudar...
Visite nossa biblioteca
NOSSA BIBLIOTECA
Telemensagens
Auto ajuda
REDE SOCIAL
Nossa forma de ver a educação
Novos autores
VERSO E PROSA
Precisamos de você
Precisamos de sementes
CAMPANHAS
Traga sua garrafa Pet
Protocolos ambientais
Eventos sociais
AGENDA
Ultima atualização
30.09.2015
Concursos Literários
Eventos comunitários

Educar - Uma janela para o mundo

Seu comentário
Patrocinadores
Voluntariado
Quem somos
Forum-online
Organograma
Fale conosco
Parceiros
Mapa
Nosso Presidente

Projeto iniciado em: 2007 - Restaurado em 2010 - Todos os direitos reservados
Página do Projeto Social "Formiguinhas do Vale" uma O.S.C.I.P. sem fins lucrativos
Protocolizado sob o nº. 27.616 em 04/12/2009 e registrado em micro-filme sob o nº. 18.112 em 15/12/2009 - 1º Cartório Registro SJC

Produzido por Webmaster JFB © 2010 Todos os direitos reservados. All rights reserved

EDUCAR - Uma Janela para o Mundo

 
N
asceu junto com o lançamento do Jornal "Gazeta Valeparaibana em meados do ano de 2007. Um Jornal destinado a vivenciar e divulgar a cultura, a história, os princípios de preservação ambiental, com matérias sempre dirigidas na preservação dos valores de uma sociedade ética, responsável e sobre tudo consciente das suas obrigações como cidadãos no Brasil dos próximos anos.

 
 O Projeto "EDUCAR - Uma Janela para o Mundo", nasceu em um momento em que se discutem as várias alternativas de preservação ambiental, a reestruturação social e educacional de nossos jovens e não só, como também, fazer deles os multiplicadores dos conhecimentos adquiridos junto a suas famílias e comunidades.
 
Com esse objetivo pretende absorver em seus conteúdos a participação de toda a sociedade civil, incluindo- se as Diretorias Regionais, as Oficinas Pedagógicas, Professores, Educadores e APMS, Secretarias da Educação, Cultura e Meio Ambiente entre outros órgãos e Fundações.
 
Este projeto está interligado com os outros projetos da OSCIP "Formiguinhas do Vale" que visualizam a possibilidade de integração social, desenvolvimento comunitário, afloramento do conhecimento regional, culturas e tradições, geração de renda e a sustentabilidade ambiental e social.
 
A classificação dos objetivos a atingir com os projetos têm como referências os pressupostos evidenciados por todas as normativas que regulamentam o "Sistema Educacional Nacional", sustentando- se num conjunto de valores que se descrevem a seguir:
 
1 - Principio da não exclusão, entendido no sentido de não criar oportunidades diferentes e percursos diferenciados que conduzam a favorecimento de alguma parte, ferindo o sucesso educativo dos projetos, dando liberdade de criação igual a todos os participantes nos seus estilos cognitivos e dificuldades de aprendizagem;
 
2 - Principio da cidadania e da participação democrática, encarando cada individuo da comunidade e participante dos projetos, como um elemento ativo e capaz de intervir de forma responsável, solidária e crítica, para um bom termo das intenções e metas contidas m todos os projetos da OSCIP "Formiguinhas do Vale"
O projeto Educar - Uma janela para o mundo que engloba os sub- projetos;  O Projeto Social Viveiro Escola Planta Brasil, Projeto Social SaciArte e o Projeto Social Arte & Sobra foi elaborado, baseado na convicção de que os grandes centros, sonho da realização pessoal da maioria das crianças do interior e das periferias, dia após dia se apresentam mais saturados. 

 
Não é a toa que a maioria das empresas encontram sérias dificuldades de logística de transporte e muitas delas estão abandonando os grandes centros para se estabelecerem em locais de melhor infra-estrutura de transporte.

 Desta forma, em virtude da cultura de migração, essas cidades de interior apresentam um alto índice de falta de mão de obra especializada e a demanda tende a aumentar em virtude de certos aspectos ligados a serviços tais como o turismo rural e ecológico.
 
 Nas regiões, especialmente nas pequenas cidades do Cone Leste Paulista se faz um esforço muito grande para suprir empresas que em maior volume têm procurado esses locais seja por melhor infra- estrutura de transportes ou incentivos fiscais, além dos novos empreendimentos, tais como: hotéis fazenda, fazendas temáticas, turismo local, etc.
 
 Assim, uma das determinantes da OSCIP (1) Formiginhas do Vale, com seus projetos, é trabalhar, determinados em fixar o homem em sua terra natal e dar-lhe oportunidades e novos horizontes, para que ai tenham uma vida mais confortável e digna, melhor que aquela que encontrariam nos grandes centros.
 
 A OSCIP Formiguinhas do Vale através de seus  projetos, sempre leva em conta a determinação de desenvolver em nossos jovens e adolescentes o espírito de cidadania, não só como elemento primordial para a sustentabilidade social e econômica, mas, indo além, promovendo a participação ativa dos mesmos,  buscando entre eles elementos multiplicadores.
 
 Também, de uma forma lúdica e atrativa desenvolver nos jovens e adolescentes o gosto pela vida natural e pelas coisas da terra, incentivando as hortas urbanas e comunitárias, a preservação ambiental como um todo de todos os ecossistemas, promovendo uma vida mais natural e saudável.
 
 Enfim, formar cidadãos conscientes de sua responsabilidade social com a finalidade de alcançarmos uma sociedade de paz, mais justa e solidária e a verdadeira sustentabilidade social, com um mundo mais limpo e preservado.
 
 Filipe de Sousa
 
 * (1) – Organização da Sociedade Civil de Interesse Público
Filipe de Sousa
 
Cidades Educadoras

 
 Todo o cidadão deve conhecer a história do seu País, de sua Cidade, seus monumentos, suas culturas e tradições.
 
 Deve conhecer suas raízes, o passado das ruas, calçadas e cruzamentos que percorre todos os dias, desapercebidamente.
 
Mas, nos dias corridos de hoje, nos deslocamos apressadamente, preocupados com o tempo do tempo que nos parecesse pouco.
 
Esquecendo aquilo de mais importante que o tempo nos legou.
 Por isso está sendo lançado a nivel  mundial um programa que tem por finalidade, a preservação da história de cada cidade e de cada País.
 
Cidades Educadoras

 
 Este projeto já conta com milhares de cidades envolvidas e comprometidas com o tema.
 
 No Brasil ainda estamos engatinhando mas já contamos com algumas cidades como São Paulo, Curitiba, Recife e Porto Alegre.
 
 Vale a pena conhecer o projeto
Conheça tudo sobre este programa

Associação Cultural, Educação, Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável do Cone Leste Paulista

Conheça o projeto